mormon.org Mundial
Julia Savracky.: Mórmon.

Oi, eu sou Julia Savracky.

Sobre mim

Equilibro minha vida nas coisas mais importantes, sou guiada pelo Senhor para o que devo fazer. Amo ensinar e aprender; desejo ser professora, para poder influenciar e ajudar vidas. Meu maior sonho é poder formar minha família, ser mãe e esposa de uma família eterna. Gosto de priorizar meu tempo fazendo o que gosto e com pessoas que eu amo.

Por que sou mórmon?

Sou mórmon porque creio em Jesus Cristo e em Seu Pai. Sou mórmon porque acredito que Jesus Cristo veio as Américas após sua ressurreição. Sou mórmon porque acredito nos profetas do Livro de Mórmon. Sou mórmon porque sei que Joseph Smith foi o profeta da restauração da Igreja de Jesus Cristo. Sou mórmon porque sou guiada por um profeta vivo escolhido por Deus para nos ensinar nos dias de hoje. Sou mórmon porque sei que as famílias podem ser eternas. Sou mórmon porque sei que a Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias é a Igreja verdadeira e que nossos Templos são sagrados. Sou mórmon porque sei que essa Igreja nos motiva a sermos melhores e nos guia rumo a vida eterna. Sou mórmon porque amo esse Evangelho e seus ensinamentos. Porque essa é a Igreja estruturado e organizada, para que desde o mais novo até o mais velho, possa aprender e sair edificado pelo Evangelho. Sou mórmon, porque quando orei ao Senhor, com coração aberto e com real intenção, senti e soube por Ele que essa é Sua Igreja. Porque acredito que qualquer pessoa que tiver o real desejo de saber se essas coisas são realmente verdades, basta orar ao Senhor e perguntar, que Ele irá te responder, como Ele me respondeu.

Como vivo minha fé

Minha religião é fundamental em minha vida, ela me guia para ser uma mulher com princípios, seguindo o melhor exemplo do mundo, Jesus Cristo. Vou a igreja aos domingos, me sinto renovada e posso iniciar uma nova semana com esperança. Dou aula para os jovens, mas sou eu quem saio edificada por eles, tão novos, mas tão perseverantes em seguir o Senhor. Sou responsável pelas moças, posso ajudá-las em seus problemas e dificuldades, além de ensiná-las. Por meio do Evangelho, somos motivados a sermos melhores, aprendemos sobre sermos mais amorosos, gentis, generosos e esperançosos. Centralizo e edifico minha vida no Senhor, por meio da oração, minhas dúvidas e escolhas têm influência do Pai Celestial, através dos sussurros de Seu Espírito, de sentimentos e escrituras. Minha vida é edificada pela minha fé.