mormon.org Mundial
João Vitor: converso, música, amizade, Mórmon.

Oi, eu sou João Vitor

Sobre mim

Gosto de fazer amizades com as pessoas, de conversar e conhecer gente nova sempre, gosto muito de musica, sei tocar 3 instrumentos, dois eu toco melhor que são guitarra e violão, mas apendi a tocar os hinos do hinário da igreja pra tocar quando não temos pianista, mas ainda tenho muito o que aprender, gosto de assistir filmes e passar tempo com a família e amigos.

Por que sou mórmon?

Quando fui encontrado pelos missionários me chamaram pra ouvir uma mensagem, não acreditava muito nas coisas que eles diziam, e fiz varias perguntas, no final da lição eu ainda não estava convencido, e então eles me disseram "não queremos te convencer, queremos que você pergunte a Deus se tudo o que dissemos é verdade", eu disse, "se eu não receber uma resposta, eu não vou na igreja de vocês" hoje eu sou membro a 6 anos, recebi uma resposta, não dos missionários, eles são somente o instrumento pelo qual o senhor nos leva sua mensagem, recebi uma resposta de espirito pra espirito do meu Pai Celestial, é algo que não se pode mostrar ou fazer alguém sentir, só se vive a experiência de se receber um testemunho particularmente. A igreja tem respostas pra todas as perguntas, alem de saber por mim mesmo que a igreja era verdadeira, todas as perguntas que eu tinha foram respondidas com clareza e sentido, perguntas da alma que todos tem, mesmo nunca tendo falado pra outros, todos tem essas perguntas como, de onde eu vim?, porque estou aqui?, existe um Deus? porque existe algo em vez de nada? etc. Sei que essa igreja é verdadeira, e o evangelho é perfeito, e ninguém fica de fora, nem os vivos nem os que já se foram, nem os que viverão

Como vivo minha fé

A leitura das escrituras é muito interessante, todos os dias leio um pouco, e aprendo coisas novas é, hoje em dia eu dou aula pros rapazes e adultos solteiros, é muito divertido e edificante, o tempo que passamos juntos nas aulas e atividades da igreja fortalece os nossos laços e criamos amizades fortes, sempre temos algo pra fazer, ou alguém pra visitar, atividades pra ir, algumas das minhas preferidas são quando temos alguma atividade de integração, baile dos jovens ou coral.