mormon.org Mundial
Antônio Fernando: Antonio Fernando, Seguros, Coach, Mentor, Mórmon.

Oi, eu sou Antônio Fernando

Sobre mim

Me filiei a Igreja em 1982, aos 17 anos. Aos 18 anos, fui um missionário de tempo integral em São Paulo. Na Igreja, além de conhecer Jesus Cristo, meu Salvador, conheci diversas outras pessoas e também: Verônica Barros de Fonte, que se tornou minha esposa, pois me Casei com ela aos 20 anos e hoje somos em 14 - (Eu e minha esposa, 1 filha, 2 filhos, 01 genro, 2 Noras e por enquanto 06 netos). Desde que me filiei a Igreja, ajudo como um voluntário em diversas designações e chamados. Atualmente em minha vida profissional, tenho uma Corretora de Seguros e também desenvolvo projetos em Marketing Digital, nas áreas de Vendas, Mentoring, Coaching e Liderança. Faço caminhada, meditação, Yoga e aprecio a alimentação saudável usando alimentos mais naturais que posso, como o mel, frutas, verduras e hortaliças orgânicas e pouca carne. Me abstenho do uso de bebidas alcoólicas, fumo, café, chá preto e drogas.

Por que sou mórmon?

O que me chamou a atenção na Igreja foi a doutrina da Família Eterna, só em saber que podemos viver com nossa família e que a morte não é o fim faz toda diferença. Na Igreja de Jesus Cristo podemos ter nossa família, não apenas "Até que a morte os separe", mas essa união pode ser eterna, participando das ordenanças sagradas na Casa do Senhor, nos templos de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias as famílias podem ser eternas.

Histórias Pessoais

Como seu conhecimento do Plano de Felicidade mudou/beneficiou sua vida?

Saber que estou nos planos de Deus é maravilhoso, e que podemos nos tornar limpos das manchas do mundo pela expiação de Cristo é confortante e nos dá esperança de um mundo melhor e que a justiça de Deus anda junto com a misericórdia de Cristo..

Como vivo minha fé

Vivo minha fé orando ao meu Pai Celestial pela manhã e a noite, me arrependendo de meus pecados e procurando ser uma melhor pessoa cada dia. Aprendi desde cedo que Deus tem uma lei, chamada "Lei do Dízimo" e portanto vivo minha fé recolhendo a "Casa do Tesouro" os meus dízimos e ofertas, conforme está registrado no livro de Malaquias 3:8 - Também reconhecendo que o Senhor tem um dia que deve ser Santificado e dedicado a Ele, que é o Domingo, e nesse dia faço o Seu trabalho, indo a Igreja e participando do sacramento da ceia do Senhor, assisto às aulas para aprender Sua palavra e como praticá-la. Sirvo como voluntário em diversas designações e também sou um mestre familiar para 5 famílias ao qual visito a cada primeiro domingo do mês. Vivo também minha fé, sendo casto, em um mundo onde esse mandamento está sendo cada vez esquecido e os que são castos, são ridicularizados e perseguidos e que casar a maneira do Senhor e seguir o padrão de família, com esposa e filhos é algo antigo e retrô. Vivo minha fé não usando bebidas alcoólicas, Fumo e drogas e sendo honesto.