mormon.org Mundial
Gustavo Borba: Uruguaio, homem de familia, Gerente, futebol, converso, melense, Mórmon.

Oi, eu sou Gustavo Borba

Sobre mim

Sou filho mais velho de Leonel e Lidia ,pai de 3 filhos + 2 adotivos e uma neta nascida do filho mais velho. Fui bancário por 20 anos, cumprindo minhas obrigações e assim atendi as necessidades da minha família. Antes de sair na missão, concursei pra ingressar num Banco privado e aprovei, primeiro lugar. Devido a proximidade em realizar minha meta de servir por 2 anos , rejeitei o posto conquistado. O gerente que entrevistou tentou me persuadir a servir minha igreja localmente e não perder um ótimo emprego. Fui firme e depois de passar pelo CTM em S Paulo, cumpri minha missão. Depois de voltar concursei novamente junto a mais de 5 mil jovens para 100 vagas e aprovei. Senti as bençãos de Deus e como ter servido aos meus semelhantes enriqueceu minha vida. Sou comunicativo, tenho experiencia pedagógica e gosto de ajudar a outros a crescer em todos aspectos. Desenvolvi habilidades para vendas e capacitação de equipes e por isso fui pioneiro aqui no Brasil abrindo mercado para multinacional. Gosto de fotografia e livros. Me atrai conhecer outros países, costumes e culturas. Hoje sou Pte Q de Elderes e procuro ajudar cada membro a evoluir. Dedicado a nutrir também cada membro da minha família e mostrar o caminho da paz, felicidade e harmonia. Cuidando o que falamos, como e agindo com o maior respeito por cada ser que convido ou conheço.

Por que sou mórmon?

Porque pude aprender, viver e sentir as verdades do Livro de Mórmon. Porque somente na igreja encontro as respostas satisfatórias para as grandes questões da vida. Porque me traz paz, alegria e desenvolvimento.

Histórias Pessoais

Como a frequência às reuniões da Igreja ajuda você?

Dada a situação atual do mundo, com seus costumes e praticas muito distantes das leis que Deus ensinou ao longo da historia da humanidade, precisamos alimentar nosso espirito cada dia e semana. Cada dia vemos e ouvimos mais pessoas aceitar aquilo que é mau, ruim e indecente, chamando de bom e normal. Precisamos receber luz, força e nutrir nossas vidas para sobrepujar a maldade. Cada aula, discurso e testemunho que ouço me fortalece e motiva a melhorar cada dia mais. Sou consciente de que temos que eliminar o máximo de imperfeiçoes e falhas em nossas vidas e como dizem alguns sábios " homem é aquele que se controla a si mesmo " Podemos apreciar a grande diferença de vida nas famílias que vivem fielmente os princípios do evangelho e aquelas que não.

Como vivo minha fé

Oro cada dia muitas vezes, tanto pessoal como em família. Estudo as escrituras cada dia para ganhar mais sabedoria nesta vida. Faço noites familiares cada semana sem falhar e procuro preparar conteúdo da maior qualidade para edificar nossas vidas. Participo cada domingo das reuniões e como Pte Q de Elderes organizo junto a conselheiros as duplas e atividades de serviço como também de confraternização que fazemos cada 45 dias.