mormon.org Mundial
Verónica: estudante, conversa, música, escrita, reflexão, amor, Mórmon.

Oi, eu sou Verónica

Sobre mim

Cantar, escrever, refletir, estar com a famíla e amigos. Ir à capela. Estas são algumas das coisas que mais aprecio na minha vida. Vivendo dia a dia sem expetativas, ser uma pessoa melhor faz parte dos meus objetivos diários. O tempo é agora. "O futuro é um edifício misterioso (...)". Vamos fazê-lo valer a pena, realizando o bem a cada oportunidade. Para nós e para os outros. Nas necessidades físicas e espirituais. Coloquemos todo o nosso amor, fé e atos na grandiosa obra do Pai Celestial. Tenhamos Jesus Cristo como nosso maior exemplo. Esta sou eu. Isto é aquilo em que acredito. Isto é o que me esforço por viver. Com amor.

Por que sou mórmon?

Batizar-me, receber o dom do Espírito Santo e, assim, tornar-me membro da Igreja de Jesus Cristo e dos Santos dos Últimos Dias foi a decisão mais importante e que mais mudou a minha vida e a pessoa que sou. Para melhor. Compreendi realmente o que implicava cumprir os mandamentos, tenho aprendido cada vez mais sobre a doutrina e evangelho de Deus. Não foi um processo de conversão fácil, dúvidas e obstáculos apareceram desde os 6 meses em que os missionários me acompanharam, até ao Batismo. Mas a verdade é que por mais difícil que fosse dar o passo, tornou-se impossível negar. Orei muitas vezes, pedi ajuda do Pai Celestial para que fosse feita a Sua vontade. Fiz isso com todo o desejo e fé do meu coração e senti que tudo ia correr bem se eu seguisse em frente com o que Ele sabia ser o melhor para mim. Todos os medos, todos os obstáculos que existiam em relação ao assunto desapareceram. As lágrimas tornaram-se sorrisos e um sentimento de paz tomou conta de mim. Muitas bênçãos têm aparecido na minha vida. O nosso Pai Celestial ama-nos muito e tem um plano para cada um de nós. Por mais que demore, não se esquece de ninguém. Para Ele, és um ser único, autêntico e especial. Quanto mais sigo e vivo o Seu evangelho, mais sinto isso. Se formos dignos, merecemos e viveremos o plano que o Pai tem reservado para cada um de nós. Eu sou mórmon. Eu sou membro da Igreja de Jesus Cristo e dos Santos dos Últimos Dias. E sou imensamente grata por ter o real testemunho de tudo o que escrevo aqui.

Histórias Pessoais

Poderia explicar o papel que a oração desempenha em sua vida?

A oração é muito importante na minha vida. É uma forma de me ligar ainda mais ao Pai Celestial, de comunicar com ele de uma forma mais sentida. Eu vejo a oração como uma conversa de Pai para filho/a, onde existe respeito, amor, carinho, compreensão. Tal como se pode ouvir numa das canções do "EFY" ("Especially For Youth" - www.efy-europe.org/), "quando oro sinto logo que a dor se vai embora". Sei que posso desabafar com o nosso Pai Celestial, agradecer-Lhe tudo o que coloca na minha vida, pedir-Lhe ajuda, com a certeza de que Ele me irá responder da melhor forma possível, de acordo com a Sua vontade e o que é melhor para mim. Eu sou muito grata por termos a oportunidade de orar nas nossas vidas.

Como vivo minha fé

Eu acredito e sei que o nosso Pai Celestial vive. Que Jesus Cristo é o nosso Salvador. E que o Espírito Santo é um dom que estará sempre connosco para nos orientar e consolar, se formos dignos disso. Sou um membro assíduo das aulas e reuniões sacramentais que são realizadas aos domingos. Tenho lições com os missionários de forma a aprender cada vez mais e fortalecer o meu testemunho e a minha experiência com o Pai Celestial e, assim, poder passar de uma forma segura e viável aquilo que sinto e sei às pessoas à minha volta. Oro diariamente mais do que uma vez e estudo as escrituras. Comecei a preparar um plano de estudo de escrituras por escrito para que se torne mais fácil não me desleixar e esforço-me ao máximo por cumprir todos os mandamentos. Sei que tudo isto vale e valerá a pena. Além de que me sinto muito bem ao realizar estas atividades.