mormon.org Mundial

Obra Missionária

Uma Igreja Missionária

Imagine se você descobrisse a cura do câncer. Com que urgência espalharia a notícia de sua descoberta? A quem você contaria? O evangelho de Jesus Cristo é a cura para muitas das aflições da vida e os mórmons querem compartilhar as boas-novas de vida eterna com a mesma urgência.

A Igreja do Senhor sempre foi uma Igreja missionária. A vida de Jesus Cristo foi um perfeito exemplo de trabalho missionário. Durante Seu ministério na Terra, Ele ensinou o evangelho o tempo todo, em todos os lugares e a toda classe de pessoas. Jesus ensinou aos instruídos no templo, aos pecadores, aos fiéis e aos descrentes. Ele também chamou apóstolos e outros discípulos para pregar o evangelho assim mais pessoas poderiam ouvir a respeito das bênçãos de Seu evangelho. A maioria da pregação deles durante a vida de Cristo foi a seu próprio povo, os judeus. Depois de Sua Ressurreição, Jesus visitou Seus apóstolos e enviou-os a pregar aos gentios. Ele ordenou-lhes: “Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura” (Marcos 16:15).

Por Que os Mórmons Enviam Missionários Pelo Mundo

Uma das mais reconhecidas características dos mórmons é a obra missionária. Neste momento, dezenas de milhares de missionários estão andando a pé, de bicicleta ou de carro em todo o mundo, distribuindo exemplares do Livro de Mórmon e compartilhando o evangelho com as pessoas que encontram. Por que essas pessoas, a maioria delas com menos de 25 anos, voluntariamente deixam seus lares e custeiam suas despesas para dedicar um período de sua vida a pregar o evangelho de Jesus Cristo?

O Senhor disse: “Proclames o meu evangelho de terra em terra e de cidade em cidade (…) presta testemunho em todos os lugares, a todo povo” (Doutrina e Convênios 66:5,7). Nós levamos esse mandamento a sério e buscamos oportunidades de compartilhar as bênçãos que recebemos por viver o evangelho com todas as pessoas que podemos. Jesus ensinou: “Aquele que não nascer da água e do Espírito não pode entrar no reino de Deus” (João 3:5).O conhecimento de que certas ordenanças como o batismo são necessárias para que voltemos a viver com nosso Pai Celestial faz-nos sentir uma necessidade urgente de compartilhar essas bênçãos com todas as pessoas. Nosso primeiro interesse como Igreja — é que tantos filhos dos homens quanto possível sejam salvos e exaltados. Ao mesmo tempo em que trabalhamos por nossa própria salvação, queremos ajudar outros a agir da mesma maneira. Pelo fato de sermos todos filhos e filhas de nosso Pai Celestial, quanto mais pessoas puderem aprender e guardar Seus mandamentos e desfrutar da vida eterna, mais felizes todos seremos.

O Que os Missionários Fazem

A maioria dos missionários da Igreja tem cerca de 20 anos de idade, apesar de muitos membros servirem como voluntários após se aposentarem. Os missionários em perspectiva enviam formulários à sede da Igreja e recebem um chamado para uma missão específica em alguma parte do mundo. Eles passam algumas semanas no centro de treinamento missionário onde alguns aprendem um novo idioma e todos estudam arduamente o evangelho e praticam como ensiná-lo. Depois são enviados ao local que lhes foi designado e começam seu serviço. A vida dos missionários é completamente dedicada a compartilhar o evangelho de Jesus Cristo. Eles pagam por sua missão e deixam escola, namoro e trabalho por dois anos para dedicar-se inteiramente a fazer a obra do Senhor.

Uma manhã típica de um missionário consiste em levantar-se às 6:30, estudar as escrituras e encontrar novas pessoas com quem compartilhar o evangelho. À tarde pode incluir dar as palestras missionárias às pessoas que encontraram e ser voluntários em serviços na comunidade. Uma boa noite os encontrará ensinando o evangelho a pessoas interessadas e ajudando-os a aprender e guardar os mandamentos de Deus ou participando do batismo de alguém que decidiu filiar-se à Igreja. Eles voltam para casa por volta das 9:30 da noite e vão dormir, geralmente exaustos e felizes.

Cada Membro É Um Missionário

Não são somente nossos missionários de tempo integral que compartilham o evangelho. Cremos que o evangelho de Jesus Cristo é o caminho para a verdadeira felicidade, por isso queremos contar o que sabemos a quantos amigos e familiares pudermos. Cremos, como Pedro ensinou no Novo Testamento, que devemos

É evidente que o testemunho mais convincente é o de uma vida plena e feliz de alguém que vive de acordo com os ensinamentos de Cristo, mas também sentimos que falar de nossa experiência pessoal com outras pessoas é uma ótima maneira de convidá-los a conhecer mais sobre Jesus Cristo.

Entretanto, compartilhar o evangelho nem sempre é fácil. Muitos têm medo de ofender seus amigos, de parecer intrometido ou de dizer algo que possa ser mal interpretado. Fazemos o melhor possível para encontrar uma forma de falar sobre o quanto o evangelho significa para nós e para isso nos enchemos de coragem, e ao mesmo tempo respeitamos a crença e escolhas alheias. Ficamos felizes quando nossos amigos compartilham a alegria de viver o evangelho. Isso acontence assistindo às reuniões da Igreja, outras atividades durante a semana e conversando com os missionários sobre como o evangelho pode abençoar a vida deles. Se você quer fazer um mórmon feliz, pergunte se você pode visitar a Igreja dele. De qualquer forma nós amamos nossos amigos, eles aceitando ou não os ensinamentos de nossa Igreja.

Ensinamos a Respeito de Jesus Cristo

Os missionários compartilham só uma coisa — o evangelho de nosso Salvador, Jesus Cristo. Como Néfi disse: “E falamos de Cristo, regozijamo-nos em Cristo, pregamos a Cristo, profetizamos de Cristo e escrevemos de acordo com nossas profecias, para que nossos filhos saibam em que fonte procurar a remissão de seus pecados” (2 Néfi 25:26). Pode parecer estranho que centralizemos tanto nossa vida em Jesus Cristo, mas a sabedoria do evangelho se aplica a tudo desde o propósito da vida a como agimos no nosso trabalho, como nos relacionamos com outras pessoas e mesmo como cuidamos de nosso corpo. Os ensinamentos de Jesus Cristo têm mais poder de proporcionar felicidade duradoura do que todo sucesso e prazer que o mundo pode oferecer. Toda mensagem que os missionários mórmons compartilham gira em torno Dele e de como Sua Expiação e as ordenanças do evangelho nos permitem voltar a viver com nosso Pai Celestial e nossa família no céu.

Os Missionários em Todo o Mundo

Atualmente, há 84.000 missionários servindo em 350 missões em todo o mundo. Eles fazem proselitismo em todo país onde o governo e as condições políticas permitem. Muitos missionários passam a amar tanto as áreas nas quais servem que acham difícil voltar para casa quando sua missão termina, tanto quanto foi difícil deixar sua casa para fazer missão. Voltam para casa como embaixadores bem-informados da nação onde serviram e de sua cultura.